| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Infonline Chopotó!
Desde: 13/04/2009      Publicadas: 92      Atualização: 15/11/2011

Capa |  Artesanatos e outras artes  |  Cadastramento de notícias  |  Cipotânea - Fatos & Fotos  |  Congada  |  Descobertas  |  economia  |  Escolas  |  Espaço e ideias  |  fatos & contos  |  História da Regiäo Xopotó  |  Mande sua notícia  |  Política e Projetos!  |  Reconhecimentos geografia etcs
economia

A prosperidade de Cipotânea que vem da palha de milho.Os artesãos e a matéria- prima, palha de milho, é a moeda forte capaz de comprar uma vida melhor.

A prosperidade de Cipotânea que vem da palha de milho.Os artesãos e a matéria- prima, palha de milho, é a moeda forte capaz de comprar uma vida melhor.

Eles são trabalhadores rurais de Minas Gerais. Famílias em condições precárias de sobrevivência que só conseguiram dar rumo às suas vidas com a assessoria da Emater. Não tinham tradição em trabalhar com artesanato. A preocupação sempre foi com o plantio de milho que lhes dava o sustento. Hoje também são artesãos e a matéria- prima, palha de milho, é a moeda forte capaz de comprar uma vida melhor. As mulheres e filhos, principalmente, organizaram- se e descobriram "uma conversa um tanto moderna" sobre valor agregado. Aí, então, .fizeram cursos de capacitação do PRONAF - Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar. O PRONAF é um dos programas estratégicos do Avança Brasil.
Além de Diamantina também Cipotânea é reduto desse tipo de artesanato. Segundo Valdo Berbert, assessor da área de comercialização da Secretaria Executiva do PRONAF de Minas Gerais, em Cipotânea - município de população extremamente pobre - existem 60 produtoras rurais e pelo menos 100 famílias envolvidas com a produção de palha de milho. Peculiaridade que salta aos olhos é que as mulheres ganham mais que os homens. A palha vale mais que o grão e organizadas em cooperativas como estão as mulheres voam na frente em termos de empreendimentos.

Casa, carro e fábrica de sorvete - O melhor exemplo disso, contudo, está em Diamantina. Maria de Fátima Aguiar Santos, que preside a associação de produtoras rurais usa a capacitação recebida e seu tino comercial para realizar algumas proezas. Com o dinheiro apurado com o artesanato investiu na melhoria de sua casa, construiu um local próprio para trabalhar, adquiriu equipamentos para montar uma fábrica de sorvetes que entregou aos filhos e, recentemente, ajudou o marido na compra de um carro, o que significou também um novo empreendimento, pois o automóvel está sendo utilizado para serviço de táxi na comunidade.

Ainda em Diamantina, um grupo de cinco mulheres aproveita os recursos da produção artesanal para a montagem de uma fábrica de polvilho que deverá ser inaugurada ano que vem. Importante frisar que se trata de pessoas muito pobres, que enfrentam inúmeras dificuldades no seu dia-a-dia. Distantes 110 km da sede do município, até esse deslocamento é problema. O próprio acesso aos recursos que lhes garantam a subsistência depende de ações governamentais.


Atividades e Pessoas - Taxi para Cipotânea - Belo Horizonte: Transporte, viagens e encomedas!


Cidades vizinhas de Cipotânea - Taxi para Cipotânea, Belo Horizonte e vice versa, então ligue para RH EXPRESS


História - volta região Xopotó - Cipotânea era um grande produtor de milho, agora não mais


Literatura diversa - Texto de Eduardo Almeida Reis (Capoteiro em Cipotânea) escreve um interessante texto

Este texto foi copiado no internet

Faço uma confusão dos diabos entre os canais de tevê, mas o filme passou no National Geographic, ou no Discovery. Assunto: malária. Um pesquisador da London School of Hygiene & Tropical Medicine, da University of London, viaja para a Amazônia boliviana e para a Tanzânia, leste africano, estudando os mosquitos transmissores da malária e os pernilongos comuns, os culicídeos que transmitem a filariose, elefantíase-dos-árabes. Quase todo mundo de Zanzibar, ilhota do Oceano Índico, tem elefantíase.

Dados interessantes que captei de oitiva, isto é, de ouvido: a proporção de anofelinos infectados com o protozoário da malária, na Amazônia, é de 1/10.000, enquanto no leste africano é de 1/10. Cerca de 36, das 360 espécies de Anopheles, transmitem o parasita da malária. O pesquisador londrino fala do 'temível' Anopheles gambiae, principal vetor da doença na África, onde morrem 3.000 crianças de malária por dia, isto é, cerca de 1.095.000 crianças por ano.

Coisa que também aprendi no programa: o anofelino amazônico pica mais tarde, quando a vítima já está debaixo do mosquiteiro, enquanto o A. gambiae busca o sangue das pessoas mais cedo, quando ainda não se meteram sob os cortinados.
O pesquisador concorda aqui com o degas: em assuntos maláricos, o segredo é não ser picado pelo mos quito. E a providência mais eficiente continua sendo o mosquiteiro, sem rasgões, com as barras presas sob o colchão. Pormenor importantíssimo: o dorminhoco não pode encostar no cortinado, que o anófele suga o sangue através dos buraquinhos.

Aí, o repórter-entrevistador, que viajava com o pesquisador, pergunta sobre a possibilidade de os mosquitos transmitirem o vírus HIV. Em linhas gerais, o pesquisador informa que honestamente não sabe responder, mas 'acha' que não transmitem, pois as crianças africanas HIV-positivas adquiriram o vírus através de suas mães, ou de transfusões de sangue.

Isso me faz lembrar de uma entrevista que li em 1991, quando todos os jornais do planeta só falavam do vírus da Aids. O bioquímico Michel Bounia, que, se fosse um perfeito idiota, não seria membro da Academia de Ciências da França, declarou que não havia nada que provasse que as pulgas e os mosquitos não pudessem transmitir o HIV. O assunto volta à balha agora que se aventa a hipótese, quase uma certeza, de que a doença de Chagas tenha sido transmitida a dezenas de brasileiros pela insuspeitada via oral, através do caldo de cana, em Santa Catarina, e do refresco de açaí, no Pará.

Mudando de mosquito, o culicídeo se reproduz em águas sujas, com

Literatura diversa - A vida e seus "super-valores" um artigo de Geraldo Felício, o filósofo hermeneutico que nasceu em Cipotânea


Mais notícias
05/08/2009 - Cidades vizinhas de Cipotânea - a Associação do Circuito Turístico Nascente do Rio Doce no município de Alto Rio Doce, na Zona da Mata. o novo circuito é integrado pelos municípios de Presidente Bernardes, Cipotânea, Ressaquinha, Senador Firmino e Senhora dos Remédios.
A Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais (Setur) certificou, nesta quarta-feira (24), a Associação do Circuito Turístico Nascente do Rio Doce no município de Alto Rio Doce, na Zona da Mata. Além da cidade anfitriã, o novo circuito é integrado pelos municípios de Presidente Bernardes, Cipotânea, Ressaquinha, Senador Firmino e Senhora dos Re...
03/08/2009 - Cidades vizinhas de Cipotânea - Indíces e dados de gastos e receita do município de Cipotânea MG
Dados tirados do site oficial do governo: http://www.tce.mg.gov.br/default.asp?cod_secao=1GL&tipo=2&url=Fiscalizando_TCE/Fiscalizando_Contas_Publicas_Resposta.asp&cod_secao_menu=5N Apresentados Apurados Situaç"oÍndices ApuradosReceita Corrente Líquida R$ 4.972.066,50Despesa com Pessoal R$ 2.567.682,47 Receita Base de Cálculo R$ 4.422.005,02...
14/07/2009 - Literatura diversa - O Brasil é um dos maiores exportadores mundial de soja, arroz e trigo, porém mas de 5 % até 20 % da populacao brasileira sofre da mal alimentados e os pequenos agricultores säo obrigados a industrializar sua pequena propriedade para concorrer com os
Vai aí um texto que escrevi. o Brasil agrário e o mercado mundialO Brasil é um dos maiores exportadores mundial de soja, arroz e trigo, porém mas de 5 % até 20 % da populacao brasileira sofre da mal alimentados e os pequenos agricultores säo obrigados a industrializar sua pequena propriedade para concorrer, do qual näo tem nenhuma chance em concorr...
21/06/2009 - Os rios da região!Ecologia. - Programa Despoluição de Bacias Hidrográficas
Dentre os maiores desafios da gestão de recursos hídricos no Brasil está a redução das cargas poluidoras nos corpos d'água. Principalmente em regiões metropolitanas, a degradação da qualidade da água vem criando situações insustentáveis do ponto de vista de desenvolvimento. Os efluentes domésticos representam uma das principais fontes poluidoras do...
13/06/2009 - Debates ecológicos e culturais - Em Cipotânea pode se comprometer com a economia Solidária.
Aos Fóruns Locais de Economia Solidária (Estaduais, Microrregionais e Municipais)A secretaria do FBES está recebendo ligações de diversas prefeituras solicitando a carta de comprovação para o Edital do PAA (SESAN/MDS), onde a prefeitura compromete a realizar ações com fórum de economia solidária (municipal, microrregional e/ou estadual).Estamos ori...
28/05/2009 - Cultura regional - Candiando bois na festa do milho!Para os moradores de Cipotânea e cidades vizinhas, candieiro é um menino (em raras exceções meninas) que anda na frente dos bois na canga para guiá-los.
Para os moradores de Cipotânea e cidades vizinhas, candieiro é um menino (em raras exceções meninas) que anda na frente dos bois na canga para guiá-los. Portanto, diria que candieiro é uma profissão para crianças. Sendo assim, homem grande que candeia boi é homem preguiçoso ou homem que nunca teve promoção na carreira. As pessoas que moram na cidad...



Capa |  Artesanatos e outras artes  |  Cadastramento de notícias  |  Cipotânea - Fatos & Fotos  |  Congada  |  Descobertas  |  economia  |  Escolas  |  Espaço e ideias  |  fatos & contos  |  História da Regiäo Xopotó  |  Mande sua notícia  |  Política e Projetos!  |  Reconhecimentos geografia etcs
Busca em

  
92 Notícias